Aos 264 anos, Viana flerta com o futuro

Nonato Reis*

Arquivo

A página de sofrimento e abandono que marcou Viana anos a fio parece ter sido finalmente virada. Em apenas seis meses da nova gestão, ainda não se pode dizer que a cidade se transformou em um vasto painel de obras e serviços, mas já dá para perceber a presença do poder público com um simples passeio por suas ruas e avenidas.

Antes, quem visitava Viana tinha a impressão de que a cidade havia parado no tempo, tal a inépcia do poder público. As marcas do descaso pontificavam por toda parte, com ruas esburacadas, lixo e lamaçal ocupando o espaço urbano, e o que é pior: comodismo, inércia, desesperança.

Agora, não. Quem anda pelas ruas de Viana e acompanha as intervenções da Prefeitura Municipal conclui que há algo diferente. As ações do Município podem ser vistas a olho nu, sem precisar recorrer a mídias sociais. A Prefeitura constrói praças, promove a reforma de vias urbanas, abre avenida, pavimenta, investe em infraestrutura na zona rural.

Ao falar dos 264 anos da cidade, celebrados no último dia 8 de julho com a presença do governador Flávio Dino, do vice-governador Carlos Brandão e demais autoridades dos poderes constituídos do Estado, o Prefeito Carrinho Cidreira, disse que, pela primeira vez, Viana se tornou a capital do Maranhão, mesmo que por um dia. “Isso é uma demonstração de como Viana passou a ser vista pelo governo do Maranhão. O município está assumindo, na prática, a sua condição de polo regional de desenvolvimento”.

A propósito, tornar Viana cidade-polo da Baixada, ao lado de Pinheiro, é uma das metas do atual prefeito. Para isso ele celebrou parceria com o Estado em duas frentes fundamentais, a saber.

ÁGUA

O abastecimento de água da cidade sempre foi um grave problema, que impôs décadas de sofrimento para a população: além de escassa, a água tratada era insuficiente e de qualidade duvidosa.

Esse cenário vai mudar, finalmente. No dia do aniversário da cidade, o governador Flávio Dino informou a Carrinho que autorizou a licitação de um novo projeto de água para a cidade, que vai resolver em definitivo o problema de abastecimento. “Já a partir de agosto deverá ser assinada a ordem de serviço”, estima Carrinho.

Com recursos estaduais de R$ 8 milhões, o projeto de ampliação do serviço de água foi elaborado por uma empresa contratada Pela Prefeitura e articulado junto à Secretaria Estadual de Cidade (Secid). Segundo o prefeito Carrinho Cidreira, serão feitos capitação, adutora, tratamento e, por último, rede de distribuição. “Além de atender a demanda da população, esse projeto vai atrair empresas que desejem se estabelecer aqui, gerando emprego e renda para os vianenses”.

ESTRADA VIANA/PEDRO DO ROSÁRIO

Outro projeto de integração regional é a construção da estrada que liga Viana a Pedro do Rosário, com percurso de 37 quilômetros. O projeto é uma parceria do Governo do Estado com as prefeituras de Viana e Pedro do Rosário. Só na construção de aterros serão aplicados R$ 3 milhões. Depois de concluída (na primeira etapa, ela será empiçarrada), essa obra não apenas fará a integração entre os dois municípios como também se constituirá uma nova opção para quem se desloca de São Luís a Belém. Segundo Carrinho Cidreira, a estrada encurtará em 100 kms a distância por terra entre as duas capitais.

Para o Presidente da Agerp, Júlio Mendonça, um aliado da nova gestão, toda essa atenção do Governo do Estado com Viana se justifica pela forma inteligente com que o prefeito Carrinho Cidreira vem gerindo o município. “O governador Flavio Dino tem um carinho especial pelo prefeito  porque vê que ele não fica apenas pedindo ações do governo, mas procura fazer a sua parte primeiro”. A prova disso é que, ao chegar em Viana e observar que a Prefeitura recuperava a avenida Luís Couto com recursos próprios  Flávio Dino decidiu, ali mesmo, liberar 5 quilômetros de asfalto para a cidade. “Tenho orgulho em apoiar um governo municipal sério, que faz acreditar que a política vale a pena”.

*Jornalista | escritor

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

2 thoughts to “Aos 264 anos, Viana flerta com o futuro”

  1. Boa Manchete. Chamada. No conteúdo não vi sincronia. Tudo bem, fico na torcida. Vai dar certo, é preciso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VIANA