Campanha ‘Novembro Azul’ no MA alerta para saúde do homem e prevenção do câncer de próstata

Ações da Campanha ‘Novembro Azul’ acontecem simultaneamente em todas as unidades da rede estadual de saúde, com ampliação ao acesso a exames e às consultas especializadas em prevenção ao câncer.

Campanha ‘Novembro Azul’ no MA alerta para saúde do homem e prevenção do câncer de próstata — Foto: Divulgação/Pixabay

 

Por g1 MA — São Luís

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), dá início nesta sexta-feira (5), a Campanha “Novembro Azul”, que tem como objetivo orientar a população masculina para a importância da prevenção e da detecção precoce de câncer de próstata e pênis.

Durante a abertura da campanha, que será realizada às 10h na Policlínica Diamante, o público masculino terá a oportunidade de realizar o exame Antígeno Prostático Específico (PSA) para diagnóstico do câncer de próstata. O público-alvo corresponde a homens de 45 anos com casos confirmados de câncer de próstata na família e de 50 anos ou mais que precisem fazer o exame preventivo de rotina. Durante a ação, também serão realizados serviços de aferição de pressão e glicemia, além de testagem rápida para ISTs.

As ações da Campanha Novembro Azul acontecem simultaneamente em todas as unidades da rede estadual de saúde, com ampliação ao acesso a exames e às consultas especializadas em prevenção ao câncer.

Dados

O câncer de próstata permanece como a neoplasia sólida mais comum e a segunda maior causa de óbito oncológico no sexo masculino. No Maranhão, os números de internações por câncer de próstata e pênis no ano de 2021 são, respectivamente, 555 e 73.

O que é a próstata?

A próstata é uma glândula que faz parte do sistema reprodutor masculino responsável por produzir uma secreção fluida para nutrição e transporte dos espermatozoides.

Situa-se logo abaixo da bexiga e à frente do reto, sendo atravessada pela uretra, canal que se estende desde a bexiga até a extremidade do pênis e por onde a urina é eliminada. É considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de 75% dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos.

O aumento observado nas taxas de incidência no Brasil pode ser parcialmente justificado pela evolução dos exames diagnósticos, pela melhoria na qualidade dos sistemas de informação do país e pelo aumento na expectativa de vida da população.

CONTINUE LENDO AQUI.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VIANA