Paço do Lumiar intensifica combate contra Dengue, Chikungunya e Zika.

Nesta terça-feira (22), foi dado o ponta pé inicial para uma série de ações visando manter o município de Paço do Lumiar livre do Aedys Aegypti, mosquito transmissor da dengue, chikungunya e da zika. Para marcar as ações de combate foi organizo um ato solene na praça da juventude no Maiobão.

As ações acontecem mediante uma parceria entre a prefeitura de Paço do Lumiar e o Governo do Estado, com execução das atividades de combate em campo por meio da Secretária Municipal de Saúde (SEMUS) e SES/MA. Segundo o coordenador de Vigilância em Saúde de Paço, Raphael Pessoa, trata-se na verdade de um reforço de um trabalho incansável desenvolvido pelos Agentes de Endemias.

“O município, mesmo durante o período mais complexo da pandemia, não parou de desenvolver o trabalho de combate às arboviroses. Agora com este apoio institucional da SES, vamos continuar nesta linha de visita domiciliares e também uso dos carros conhecidos popularmente como fumacê”, explicou ele.

A superintendente de Epidemiologia da ses-ma, Maria das Graças Lírio, assegurou que a parceira institucional segue nesse patamar de prestar para os municípios todo o apoio possível e necessário, em especial aqui da grande Ilha. “A área metropolitana, com efeito aos municípios da grande Ilha são áreas que apresentam maior risco, em se tratando do Maranhão. Por isso é importante esta parceria para que continue a manter o trabalho de proteger a população das doenças causadas pelo mosquito”.

O secretário de saúde, João Muryci, reitera que a atuação neste sentido, corrobora ainda com outras linhas de atuação da SEMUS, para preservar a saúde da população em Paço. Ele ressalta que em meio a uma pandemia de Coronavírus, tanto as síndromes gripais, quanto outras doenças como a dengue, chikungunya e zika, podem ampliar dificuldades neste cenário atual.

“Além dos nossos esforços neste sentido de combater estas doenças, é importante que a população nos ajude a desenvolver este trabalho e mais que isso, é importante que ela abrace essa causa! Dentro das regras de prevenção, é claro, receba a visita do agente de endemias, atente para descartar corretamente garras pet, pneus e vasilhames e assim não se dê chance alguma para o mosquito”, lembra o secretário.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VIANA