João Câncio do Boi de Pindaré, sotaque da Baixada

João Câncio dos Santos nasceu no povoado de Santa Maria, localizado no então município de Pindaré-Mirim, por volta do final dos anos 1920. Chegou a São Luís nos anos 40 em busca de trabalho e, como muitos dos cantadores de origem da Baixada Maranhense, trabalhou como estivador terrestre em São Luís, sendo, inclusive, filiado ao Sindicato.

Nos anos 1940, João Câncio foi registrado pelas lentes do fotógrafo francês Marcel Gautherot quando ele brincava com a turma do Boi de Viana. A partir de uma dissidência no interior desse grupo, ele, juntamente com outros companheiros (dentre eles Coxinho e Apolônio Melônio), fundou o Boi de Pindaré, em 1960.

As narrativas de pessoas que conviveram com ele o apontam como portador de uma genialidade artística. João Câncio tem uma importância significativa na história do bumba-boi do Maranhão por ter consolidado o estilo de bois de Baixada/Pindaré em São Luís.

Faleceu no dia 29 de junho de 1977, dia de São Pedro, nos deixando seu legado e a tradição dessa brincadeira.

Texto : @flordecarulina / Fotografia : Marcel Gautherot , 194x / Capa da Revista Brasileira de Folclore , 1961 / Design Gráfico : @raiamaportela – Via Instagran do jornalista Pedro Sobrinho

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VIANA