Em mensagem de Ano Novo, Carrinho menciona esperança, belezas e potenciais de Viana

O economista e ex-vice-prefeito de Viana, Carrinho Cidreira (PR), deixou sua mensagem de final de ano aos internautas, nas redes sociais. Líder absoluto nas pesquisas de intenção de voto à disputa eleitoral municipal do ano que se aproxima, Carrinho considerou que “2019 foi um ano de muito sofrimento” para os vianenses, mas destacou que “os problemas e as dificuldades não podem se sobrepor às nossas belezas e potenciais”.  E evocou a esperança: “verde como os nossos abençoados recursos naturais”. Leia a mensagem abaixo:

Um ano novo surge para todos nós. Estamos todos diante de 365 dias, de 365 oportunidades para começar de novo, para corrigir erros, estabelecer metas e renovar as esperanças. Diante deste momento especial de possibilidades que se abrem, quero deixar minha mensagem a todos os vianenses, em especial aos que neste ano mandaram diversas mensagens de incentivo ao mim, em referência ao sonho de uma vida melhor a todos nós.

2019 foi um ano de muito sofrimento para nós, em Viana. Uns presenciaram e outros foram vítimas de situações vergonhosas que ferem o precioso bem da dignidade humana: pessoas sendo transportadas em redes, sem assistência médica; povoados praticamente isolados sem estradas; donas de casa carregando latas d’água na cabeça; ruas crivadas de buracos que chegaram a causar mortes de motociclistas; bairros na mais completa escuridão; falta de saneamento básico, com ausência completa de obras; a saúde e a educação funcionando com o mínimo de estrutura. Desde 2017, o nosso município parece estacionado no tempo, sem que certas promessas de mudança – feitas, não na virada do ano, mas em palanques eleitoreiros – fossem cumpridas. Administrar uma cidade não é tarefa para aventureiros.

Como se não bastasse o descumprimento das obrigações por parte dos que iludiram o povo, hoje vivemos um clima de violência e perseguição no município. Professores, comunicadores e funcionários públicos sofreram, este ano, violência verbal, assédio moral e até agressão física. Mas esta não é a Viana que merecemos viver, cidade de tradição cultural, com filhos que são destaque no Maranhão e em todo o Brasil, tais como Dilú Mello, Carlos Gaspar, Celso Magalhães, Lourival Serejo e tantos outros.

Viana não pode ser tratada sem o devido valor que possui,  é terra de beleza única, abençoada por lagos e pela exuberante natureza, dotada de enorme riqueza ambiental. É a nossa “Veneza maranhense”. Os problemas e as dificuldades não podem se sobrepor às nossas belezas e potenciais. Apesar do ano difícil para todos nós, esta é uma mensagem de esperança: verde como os nossos abençoados recursos naturais.

Um Feliz 2020 a todos nós!

CARRINHO CIDREIRA E FAMÍLIA.

Viana – Estrada vicinal recém-inaugurada por Magrado já virou um lamaçal

É como se um raio caísse duas vezes no mesmo lugar. O drama das comunidades da Zona Rural de Viana, na Baixada Maranhense, promete se repetir logo no início das primeiras chuvas de 2020.

O Blog recebeu imagens e reclamações de moradores postadas em redes sociais, revelando as dificuldades de locomoção de veículos, apenas com um pequeno chuvisco que caiu sobre a “Estrada dos Bezerras”.

No vídeo observa-se uma picape – utilizada para transporte diário de moradores – completamente atolada em um lamaçal.

Uma moradora da região comentou que um cunhado seu adoeceu essa semana e teve que ser transportado em uma rede até a sede de Viana, devido à impossibilidade do tráfego.“Eu fiquei grudada bem aí em um carro traçado e só sairmos porque veio um trator de Pedro do Rosário” afirmou indignada.

Só para relembrar, os povoados vianenses ficaram completamente isolados da sede, no último período de chuvas na Baixada e muitos moradores tiveram que botar a mão em enxadas para abrir caminho. Como de praxe, Magrado prometeu nas redes sociais recuperar e resolver a calamidade das estradas vicinais de Viana.

Pelo visto, mais uma promessa que virou lama!

Leia também:

Viana – Sem ajuda da prefeitura, moradores da Zona Rural recuperam estrada vicinal

“Confra” dos vianenses – amizade acima de tudo!

Um dia especial e agradável para a grande Colônia Vianense de São Luís, amigos e conterrâneos que compareceram em peso na barraca do Chef Miguel Moisés, na Praia de São Marcos – São Luís-MA, no último sábado, 28/12.

Uma deliciosa feijoada, cerveja gelada, cardápio variado e animados bate-papos deram a tônica do tradicional encontro anual dos vianenses, musicado por Kennedy Aranha e Banda, com palhinhas de Emerson Cutrim, Costa Júnior, Amauri Silva e Zé Santos.

Confiram cliques enviados pelos participantes.

VEJA LISTA: municípios do MA receberão R$ 237 milhões da repatriação

dinheiro

Um levantamento da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) aponta que os municípios do Maranhão serão beneficiados com R$ 237 milhões do programa de regularização de ativos no exterior, também conhecido como repatriação de recursos.

No total, foram repatriados R$ 169,9 bilhões.

Desse total, foram arrecadados R$ 50,9 bilhões, referentes ao Imposto de Renda (IR) e multa da formalização dos valores. O prazo para regularizar os ativos encerrou no dia 31 de outubro.

Um balanço divulgado pelo secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, revela que 25.114 contribuintes apresentaram a Declaração de Regularização Cambial e Tributária (Dercat). Ao todo, foram 25.011 pessoas físicas e 103 de pessoas jurídicas.

As pessoas físicas regularizaram R$ 163,875 bilhões em ativos no exterior, o que correspondeu  a R$ 24,581 bilhões em IR e de R$ 24,580 bilhões de multa pela regularização. No caso das pessoas jurídicas, o montante regularizado em ativos soma R$ 6,064 bilhões, dos quais R$ 909,739 milhões são referentes ao Imposto de Renda e R$ 909,738 milhões referentes à multa.

No Maranhão, todos os municípios receberam recursos e a capital, São Luís, foi a campeã, com mais de R$ 30 milhões. (Blog do Gilberto Léda)

Baixe aqui lista completa.