Governo abre nesta quinta-feira (27) primeira Agritec do município de Viana

Governador Flávio Dino realizou a abertura da 1° Agritec do município de Zé Doca que reúne agricultores e produtores familiares de 18 municípios da região. Foto: Gilson Teixeira/Secap

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF), realiza nesta quinta-feira (27), a abertura da primeira edição da Feira de Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão (Agritec) em Viana, em benefício de trabalhadores rurais e agricultores do Território Campos e Lagos.

A Agritec de Viana acontece até o sábado (29), na Avenida Luís de Almeida Couto, MA 014, km 36, bairro Vinagre. A expectativa de sediar uma edição da Agritec está sendo bem recebida pelos agricultores. Só este ano, mais de 4 mil agricultores familiares foram capacitados com as edições da Agritec nos municípios de Codó, Grajaú e Zé Doca. Além disso, a Feira gerou negócios e contratos na ordem de R$ 2.958.741,00 e atraiu cerca de 55 mil visitantes.

14642071_1236841733043794_1803230749216438040_n

“A Agritec é um avanço nas políticas públicas para o desenvolvimento da agricultura familiar. É uma feira que revoluciona e sempre deixa legado positivo com capacitações e treinamentos, pois, o objetivo do governo Flávio Dino é desenvolver o Maranhão por meio do conhecimento e da produção”, enfatizou o secretário de Estado da Agricultura Familiar (SAF), Adelmo Soares.

Agritec

A Agritec integra um conjunto de ações para o desenvolvimento do setor rural em todo o estado e tem o objetivo de criar espaços para troca de experiências e ampliar o conhecimento tecnológico para beneficiar os agricultores familiares do estado. É uma realização do Governo do Estado, por meio do Sistema SAF (Secretaria de Estado da Agricultura Familiar – SAF, Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural – Agerp e Instituto de Colonização e Terras do Maranhão – Iterma), em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-MA), Prefeitura.

SECAP-MA.

Governo entrega novas barracas aos agricultores familiares de Codó para incrementar comercialização no município

Foto 2 - Agricultores fizeram festa para receber barracas
Kits do ‘Mais Feiras’ recebidos pelos agricultores familiares de Codó.

Realizada há dez anos na Praça da Bandeira, em Codó, a Feirinha do Agricultor Familiar conta, a partir de agora, com uma nova estrutura com barracas padronizadas e equipamentos para melhorar a comercialização. A Feirinha é realizada duas vezes por mês pelo Sindicato dos Trabalhadores na Agricultura Familiar de Codó (Sintraf) com apoio do Governo do Estado, por meio da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp).

 No último sábado (7), a Regional da Agerp de Codó, entregou aos agricultores da Feirinha, 18 kits completos do ‘Mais Feiras’ composto por barracas, balanças, caixas de isopor e de aves, jalecos, camisas e bonés identificados com o programa.

 A estruturação é uma ação estratégica do programa ‘Mais Feiras da Agricultura Familiar’, desenvolvido pelo Sistema da Agricultura Familiar (SAF, Agerp e Iterma), que visa aumentar a renda familiar resultante da comercialização nas 19 regionais da Agerp e nos 30 municípios do Plano ‘Mais IDH’.

 Ao todo, são 35 agricultores familiares de quatorze povoados do município que comercializam na Feira. Com a nova estrutura, os agricultores têm um espaço adequado para vender os alimentos produzidos em suas áreas, como milho, abóbora, feijão, quiabo, maxixe, vinagreira, cheiro verde, mandioca, farinha, azeite de coco, sabão artesanal, galinha e outros.

 De acordo com o presidente da Agerp, Júlio César Mendonça, todas as dezenove regionais da Agerp receberão kits do ‘Mais Feiras’ e a ação vai garantir aos agricultores condições salubres de venda, oferecendo maior qualidade de atendimento.

 “É um marco para a agricultura familiar de Codó e do Maranhão a reestruturação das feiras de comercialização que vai dar condições de venda, renda e oferecer ao consumidor melhor atendimento e assegurar produtos de qualidade”, ressaltou o presidente da Agerp, Júlio César Mendonça.

 A gestora da Agerp de Codó, Rosiane Lobo, contou que era um sonho dos feirantes adquirir essas barracas e que essa é uma conquista não apenas dos agricultores, é da Agerp também, que tem realizado acompanhamento técnico a estas famílias. “A Agerp sempre está orientando essas famílias e tenho certeza que com essa conquista tudo vai melhorar e motivar os agricultores a produzirem mais e gerar renda”, disse a gestora Rosiane Lobo.

 Segundo o secretário de Estado da Agricultura Familiar, Adelmo Soares, o ‘Mais Feiras’ representa um momento ímpar no Maranhão, pois os agricultores recebem equipamentos e são capacitados para entrar no mercado consumidor. “Estamos oferecendo ao produtor a possibilidade de comercializar sem atravessadores para ganhar seu próprio dinheiro e melhorar sua vida”, disse o secretário.

 Além da entrega dos kits, os feirantes de Codó foram capacitados em abril por meio de curso oferecido pela SAF em que foram instruídos sobre higiene, estratégias de comercialização e atendimento ao consumidor, assuntos básicos que garantem uma boa venda.

Fonte: Agerp   Texto: Samara Andrade