“Skol” é engarrafado na Ponta d’Areia, em São Luís

“Skol” é preso novamente pela CPTur na Ponta d’Areia. O criminoso é conhecido pela prática de homicídios e assaltos e, também, por sua fuga da Delegacia Regional de Viana.

Marcos Paulo, o “Skol”, preso na Ponta d’Areia.

Considerado um criminoso bastante perigoso, com envolvimento no assassinato de um mototaxista na cidade de Viana/MA, Marcos Paulo Araújo, de 25 anos, o “Skol”, foi preso por uma guarnição da Polícia Militar, na manhã de hoje (16), na Ponta d’Areia, em São Luís. Conforme revelado pelos militares, em desfavor do conduzido, havia um mandado de prisão expedido pela esfera judicial.

Os policiais militares percorriam a região, como de costume, devido às rondas, quando, por volta das 10h30, na Avenida Mário Meireles, avistaram o rapaz transitando em atitude suspeita, como se estivesse aguardando uma vítima para abordar. Durante consulta feita junto aos sistemas nacionais de segurança pública, disse o tenente-coronel Roberto Filho, comandante da Companhia de Policiamento Independente de Turismo (CPTur), os PMs descobriram que ele era procurado pela Justiça, em virtude do mandado de prisão, decretado pela 6ª Vara Criminal.

Sobre o criminoso: “Skol” é conhecido pela prática de homicídios e assaltos e, também, por sua fuga da Delegacia Regional de Viana, em 8 de agosto de 2013, juntamente com mais 11 detentos, após um motim supostamente motivado pela falta de distribuição de água aos presos. Ele, inclusive, foi um dos líderes do movimento feito pelos internos.

No mesmo mês, o bandido foi recapturado em São Luís, escondido na casa de parentes, na Ilhinha, na região do São Francisco. Na capital maranhense, o rapaz teria cometido, até aquele momento, ao menos quatro assassinatos. Em julho do ano passado, Marcos Paulo foi novamente preso, na Ponta d’Areia, quando tentava retirar armas de policiais militares durante uma perseguição que resultou na detenção de mais dois comparsas de “Skol”.

Por Nelson Melo /jornalpequeno.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *