VIANA NO BREU – Moradores de bairro em Viana fazem “vaquinha” para comprar lâmpadas para rua

“Gente, eu vou morrer e não vejo uma melhora aqui”, declara Dona Creusa, moradora do bairro Maiobão, em Viana, que vive há 30 anos no lugar. A situação do local é de calamidade, sem iluminação pública, com bueiros abertos, buracos, matagal crescendo e o completo abandono por parte do poder público. 

Com a rua (que vai até o Campo Novo e ao antigo CEMA) praticamente intransitável, aconteceu recentemente um grave acidente com um motorista de moto. Quando chove a situação piora, com águas invadindo casas e colocando em risco a saúde e até vida dos moradores.

À noite, a situação piora com a escuridão. Apesar da iluminação pública ser de responsabilidade dos municípios, definida pela Constituição Federal de 1988, são os próprios habitantes do bairro que fazem coletas para comprar lâmpadas e, assim amenizar a situação. Mas, nem por isso são isentos de pagar a fatura de energia elétrica ou recebem descontos.

“Uma rua tão curtinha, né?”, diz Dona Creusa que não sabe nem quem é o secretario de Infraestrutura da Prefeitura de Viana, município que segundo o IBGE tem uma taxa de apenas 0,5%. A situação não é diferente em outros pontos do município: a Avenida Luís Couto está completamente esburacada; o Parque Dilu Melo, personalidade que orgulha os vianenses, é uma vergonha; a Rua 15 de novembro, no bairro Democrata e a Rua Rio Branco são manchas deixadas pelo fiasco de uma administração pública eleita com o estelionato eleitoral da “mudança”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *