“Prefeitos precisam fazer o dever de casa”, afirma Dr. Julinho, em entrevista à Rádio Maracu

O secretário de Estado da Agricultura Familiar, Júlio César Mendonça, concedeu, nesta terça-feira (19), uma entrevista à rádio Maracu AM para esclarecer sobre o anúncio do governador Flávio Dino de reabertura do Hospital Regional de Viana.

Júlio César Mendonça – secretário de Estado da Agricultura Familiar

O Júlio César Mendonça – secretário de Estado da Agricultura Familiar, Júlio César Mendonça, concedeu, nesta terça-feira (19), uma entrevista à rádio Maracu AM para esclarecer sobre o anúncio do governador Flávio Dino de reabertura do Hospital Regional de Viana.

No último domingo (17), o governador se manifestou em uma rede social para comunicar a decisão, logo após a proposta de Pacto pela Saúde do Polo Regional de Viana, feita pelo ex-vice-prefeito, Carrinho Cidreira, prefeitos e outras lideranças políticas da Baixada. Vianense, o secretário e presidente municipal do PCdoB, Dr. Julinho, lamentou pelo momento atravessado pelo país, pelo estado e enfatizou que Flávio Dino está “muito preocupado e dedicado 24 horas” para enfrentar a pandemia de Covid-19, citando as ações do Governo, como a criação de um comitê de crise, o Comitê Científico de Combate e Prevenção ao Coronavírus.

Sobre a reabertura do hospital da Vila Zizi, ele esclareceu que engenheiros estão avaliando e que a unidade ainda não está totalmente pronta, pois ainda tem um problema de água. “Esta é uma ação que o governador quer resolver. Mas não é simplesmente abrir o hospital, a abertura do hospital é um processo, existem vários fatores que não dependem só do governo, é preciso a compra de materiais, equipamentos, profissionais e outros. Se for aberto amanhã e os entes municipais não fizerem nada, vai continuar do mesmo jeito”, explicou.

O Hospital Regional de Viana estava previsto para ser inaugurado no começo de abril, mas com a pandemia, houve atraso. Dr. Julinho revelou aos ouvintes que existem mais de 30 funcionários afastados do Hospital José Murad em razão da pandemia.

Responsabilidade coletiva

 O secretário destacou que todos os prefeitos, sem exceção, receberam recursos para o combate ao coronavírus e cobrou responsabilidade no uso da verba. “Não é possível que só o governo tenha responsabilidade. É importante resgatar o papel de todos”, cobrou. Dr. Julinho citou ainda os recursos recebidos pela Prefeitura de Viana para a rede de saúde do município, de mais de 5 milhões de reais até o momento.

Não podemos jogar a responsabilidade para os outros, todos nós somos responsáveis. Precisamos ter união, neste momento, para superação da crise. Não é hora de dividir, é hora de somar, é hora de deixar a política de lado. Agora os prefeitos precisam fazer o dever de casa”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *