Malvado! Prefeitura de Viana já recebeu mais de 400 mil reais só para alimentação escolar, mas distribui cestas básicas com apenas 9 itens

“Essa cesta está muito longe de ser uma cesta básica para atender a necessidade do ser humano, talvez dure um dia. Espero que da próxima vez possa ser uma cesta básica digna da situação que o país, que a cidade enfrenta”, afirma a vianense Kakau Nascimento, no próprio perfil do prefeito Magrado Barros. “Está fazendo o que é obrigado por lei, distribuir merenda escolar para a família dos alunos”, reclama Celma Mendes, ex-apoiadora do chefe do Executivo vianense, direto no perfil da Prefeitura Municipal de Viana.

Muito dinheiro pra pouca cesta

Na confusa propaganda oficial, o prefeito Magrado Barros (DEM) aparece fazendo “caridade”, distribuindo cestas básicas aos alunos da rede municipal e seus familiares. Logo em seguida, os textos afirmam que são “kits de merenda escolar”, apenas para beneficiários do Bolsa Família com filhos matriculados nas escolas municipais. Segundo o Município, as cestas são adquiridas com recursos da merenda escolar e a distribuição pode durar até que haja essa necessidade, enquanto as aulas estejam suspensas, por conta do coronavírus.

Magrado tem se revelado seu péssimo desempenho não somente na gestão, mas até mesmo na hora de se promover. As cestas básicas amplamente divulgadas como um grande feito da administração municipal possuem apenas 09 (nove) itens, um “miserê”, como se diz:  uma lata de sardinha, um pacote de macarrão,1kg de feijão branco,1kg de açúcar, 1kg de arroz, 1 pacote de achocolatado de 250g, 1 pacote de fubá, 1 pacote de leite de apenas 200g e 1 pacote de biscoito.

Diferente da miséria distribuída nas cestas básicas, os cofres da Secretaria Municipal de Educação, estão abarrotados de riquezas. Somente para o Programa Apoio à Alimentação Escolar na Educação Básica, o órgão recebeu do Governo Federal, até o mês de abril, a quantia exata de R$ 408.942,60, ou seja mais de 400 mil reais, segundo informações do Portal da Transparência. Para o Programa Dinheiro Direto na Escola já jorraram recursos no total de R$ 333.660,00. E mais: até este mês, a Prefeitura de Viana recebeu 3 milhões, 518 mil, 463 reais e 31 centavos do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) e mais 3 milhões, 359 mil, 630 reais e 34 centavos de complementação do Fundeb. Ou seja, quase 7 milhões de reais já foram repassadas para a Prefeitura de Viana apenas para o Fundeb.

Ao contrário do ditado maranhense “farinha pouca, meu pirão primeiro”, a farinha não é pouca, chega em em grande quantidade. Mas para a população só ficam as sobras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *