Bomba!!! Prefeitura de Viana pode ser responsabilizada por provável contaminação de agente de saúde trabalhando sem proteção

A foto do agente saúde, Edson Araújo, realizando procedimentos na rodoviária de Viana chegou a ser amplamente divulgada no município, denunciando a falta de equipamentos de proteção aos profissionais do município.

Logo no início da pandemia no país, a Prefeitura de Viana instalou um posto de aferição de temperatura na rodoviária, sem que houvesse álcool, luvas ou toucas. A única máscara disponível estava jogada em cima da mesa, com risco iminente de contaminação. Nenhuma orientação havia sido dada ao profissional sobre a gravidade dos riscos da infecção mais letal que já tem notícia na atualidade.

Nos últimos dias, o profissional tem apresentado suspeitas de contaminação pela covid-19. Edson está com dificuldades respiratórias, internado no hospital municipal José Murad, apenas aguardando leito em São Luís para ser transferido. Ele já fez o teste para comprovar se foi infectado e agora permanece em isolamento. Até o momento, não há qualquer posicionamento oficial da Secretaria Municipal de Saúde sobre o caso. O agente de saúde possui problemas cardíacos, o que agrava ainda mais a responsabilidade da Prefeitura de Viana.

Prefeitura de Viana promove aglomeração de pessoas na Câmara Municipal, em plena pandemia do Coronavírus

Além de ter sido visto, em diversas ocasiões, rodeado de pessoas, o prefeito de Viana, Magrado Barros, chegou a promover esta semana uma reunião presencial, com dezenas de comerciantes locais para decidir, em uma audiência pública, sobre o funcionamento comércio. Magrado descumpre, publicamente, as medidas protetivas recomendadas pelo Ministério da Saúde e pela Organização Mundial de Saúde. Caso seja confirmada a contaminação pelo coronavírus do funcionário do município, está comprovado que o prefeito age como irresponsável cujo mau exemplo pode ser imputável de penalidades a serem apresentadas pelo Ministério Público ou pelos familiares do enfermo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *