Barbárie em Viana: homem tem corpo carbonizado em tentativa de homicídio

Na madrugada de sábado, 11 de Junho, por volta das 5:00hs , deu  entrada no Hospital regional Dr José Murad, em Viana,  a vítima Raimundo Roberval Belfort Ferreira, 46 anos, residente na Rua Antônio Lopes, nesta Cidade,  ele foi vítima de queimaduras no corpo, em uma tentativa de homicídio.

De acordo com informações, colhidas preliminarmente pela Polícia Militar, o crime aconteceu na Rua Domingos Barbosa, na área central da Cidade, quando pela madrugada a vítima voltava de uma festa tradicional (Ensaio de Bumba Meu Boi), e teria sido atingido por “elementos ” que atearam fogo no seu corpo.

 

Diante da gravidade das queimaduras, que atingiram praticamente o corpo inteiro de Raimundo Roberval Belfort Ferreira, ele foi encaminhado para São Luís, onde segue internado em estado grave.

 Após ter conhecimento do caso, o delegado regional Jorge Pacheco, deu início as investigações, no sentido de apurar o crime e prender os “autores”, e já na noite de ontem, 12, uma equipe da Polícia Civil de Viana, conseguiu prender dois adultos e apreendeu um menor infrator, suspeitos de praticarem o crime.

“A Polícia Civil do Maranhão por intermédio da 6ª Delegacia Regional de Viana, no nosso comando, realizou operação policial, na noite de ontem,12, na qual culminou na prisão dos elementos, Fábio Adriano Romeu Mendes (Farol),  36 anos, Vítor Corrêa de Alcântara, 20 anos, e apreensão do adolescente infrator, J.A.M, 17 anos, os três  foram presos em flagrante, em razão de serem suspeitos de terem participado do crime brutal, praticado na madrugada do dia 11/06/2017, nesta cidade”, relata o delegado Jorge Pacheco.

“Estes suspeitos e outros agrediram a vítima, Raimundo Roberval Belfort Ferreira, 46 anos, com um pedaço de madeira, atingindo-a na região da nuca e nas costas, sendo que após a queda da vítima ao solo, os suspeitos jogaram nela um líquido inflamável e atearam fogo, em decorrência disso a vítima teve 90% do corpo queimado, possuindo grande probabilidade de vir a óbito, em razão da crueldade e covardia dos autores tal crime causou uma grande comoção nesta cidade, tendo familiares, população e imprensa cobrado imediatas providências por parte da Polícia Civil, tendo esta envidado todos os esforços, conseguindo elucidar o crime e prender os autores, mais uma vez dando uma rápida resposta no combate a crimes graves” relatou o delegado.

O trabalho da Polícia Civil continua, buscando esclarecer todas as circunstâncias do crime.

“Cabe informar que as investigações prosseguem com intuito de identificar e prender os demais participantes do crime em”, concluiu Jorge Pacheco.

Participaram das investigações e prisões os delegados  Jorge Pacheco e Guilherme Augusto, IPCs Aristides, Paulo, Ronildo e EPCs Marcel e Diniz.

Fonte: 13ª Cia Independente de Viana e 6ª Delegacia Regional de Viana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *