AVL abre diálogo com Prefeitura de Viana para futuras parcerias culturais

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (26), a Academia Vianense de Letras (AVL) e a Prefeitura de Viana deram início a uma série de agendas que devem originar convênios e parcerias para resgatar a agenda cultural do município.

Nélio Júnior, Chefe de Gabinete da Prefeitura de Viana, Acadêmico Costa Júnior, Fátima Travassos, Presidente da AVL, Acadêmico Luiz Antonio Morais, e Acadêmico Joaquim Gomes

Ciceroneada pela presidente da AVL, Fátima Travassos – reeleita para o segundo mandato no biênio 2021/2023 -, a reunião contou ainda com as presenças do Chefe de Gabinete da Prefeitura de Viana, Nélio Júnior, representando o prefeito Carrinho Cidreira, e dos Acadêmicos Costa Júnior, Joaquim Gomes e Luiz Antonio Morais.

Na oportunidade, a presidente entregou cópias de documentos oficiais, entre eles o Regimento Interno da Academia, aprovado em 14 de dezembro de 2020, o Plano de Gestão da AVL, e do Diário Oficial do Município, edição de 9 de julho de 2019, no qual foi publicada a Lei Municipal de n 446, de 06 de julho de 2019, que institui  o Dia da Bandeira de Viana, além do Decreto que consta o Termo de Cooperação Técnica entre a Prefeitura de Viana e a AVL.

Segundo Fátima Travassos, “nós queremos reabrir e manter essa cooperação porque é muito benéfica para os dois lados, pois com a inauguração da nova sede da AVL, as políticas públicas e os eventos da academia podem se utilizar e caminhar juntas. Nossa instituição é apartidária e deseja formalizar parcerias duradouras e amigáveis para contribuir com o desenvolvimento cultural e educacional de Viana,” afirmou.

O Chefe de Gabinete, Nélio Júnior, reiterou que o prefeito Carrinho Cidreira (PL), deseja fomentar a cultura vianense. Nélio destacou que é preciso manter a aproximação da AVL com a sociedade vianense, com as escolas e redefinir uma agenda cultural que resgate as nossas tradições. “A Secretaria de Cultura não pode se comportar como nos últimos 4 anos, sendo uma mera contratante de bandas de forró. Nosso município, com 263 anos, precisa dignificar sua história, sua importância na Baixada, sua cultura e estender o seu leque de alcance cultural com as instituições”, declarou.

Entre os assuntos tratados, também foram debatidos abertura de parceria do AVL com o Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM), e o resgate do Acordo de Geminação com a cidade de Viana do Castelo – Portugal, que pode reacender os laços amigáveis e de trocas culturais entre as duas cidades.

O próximo passo será uma visita oficial dos Acadêmicos da AVL à Prefeitura, no início de fevereiro, de forma a oficializar um novo Termo de Cooperação Técnica, dentre outros assuntos do interesse de Viana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *