Eleições 2020 – Pesquisa confirma vitória de Carrinho Cidreira na disputa pela Prefeitura de Viana

O candidato a prefeito de Viana, Carrinho Cidreira (PL), é mais uma vez apontado como favorito na intenção de votos dos eleitores de Viana. Segundo pesquisa feita pelo Instituto NovaData, realizada nos dias 9 e 10 de novembro, Carrinho é apontado como candidato favorito de 50,63% dos eleitores.

Bem atrás, com apenas 19,25%, sairia derrotado o atual prefeito e candidato à reeleição, Magrado Barros (Democratas) e, em terceiro lugar, Professora Lucimar (PP), com 17%. Ainda na pesquisa, 57,63% disseram que atual administração é péssima ou ruim.

A pesquisa, que  entrevistou uma amostra de 800 pessoas, na sede e na zona rural, está registrada do TSE sob o número MA-08432/2020 e tem margem de erro de 3,4 % para mais ou para menos, com 95% de taxa de confiabilidade.

Carrinho foi alvo de um campanha acirrada por parte dos adversários, marcada por fake news, ataques e mentiras de toda espécie.  Porém, nada foi suficiente para diminuir o percentual de eleitores que devem escolher o economista no próximo domingo (15).

“É a vitória da esperança, da verdade e da seriedade. Vamos vencer para mostrar como se deve administrar com respeito ao povo e fazendo justiça à nossa Viana”, declarou Cidreira.

Forças Armadas atuarão com 28 mil militares nas eleições

Eles levarão urnas e agentes a 104 lugares de difícil acesso

Forças armadas no desfile cívico-militar de 07 de setembro na Esplanada dos Ministérios

As Forças Armadas vão atuar com cerca de 28 mil homens durante o primeiro turno das eleições municipais deste domingo (15). Caberá aos militares o transporte de urnas eletrônicas e agentes eleitorais em 104 localidades.

Esse apoio é necessário nos locais de difícil acesso da Justiça Eleitoral. É o caso de tribos indígenas e populações ribeirinhas, por exemplo. Em 2020, esse apoio atingirá oito estados: 35 localidade do Acre; 26 no Amazonas; cinco no Amapá; uma na Bahia; quatro no Mato Grosso e no no Mato Grosso do Sul, duas no Rio de Janeiro e 27 localidades em Roraima.

As Forças Armadas também farão a segurança em 616 locais. Os militares cumprirão esse papel em 11 estados: Acre, 20 localidades; Alagoas, 12; Amazonas, 41; Ceará, 31; Maranhão, 98; Mato Grosso, 34; Mato Grosso do Sul, 8; Pará , 72; Piauí, 169 localidades; Rio Grande do Norte, 121; e Tocantins, 11 locais.

Eleições 2020

Neste domingo, quase 148 milhões de eleitores poderão votar em 26 unidades da Federação. A população elegerá vereadores, prefeitos e vice-prefeitos. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, há 19.342 candidatos a prefeito e 518.308 disputando uma vaga de vereador. Este ano não haverá pleito no Distrito Federal e nem em Fernando de Noronha, que é um distrito do estado de Pernambuco.

O eleitor de Mato Grosso, por sua vez, também escolherá um senador, em virtude da vaga deixada por Selma Arruda. Ela teve seu mandato cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pelos crimes de caixa dois e abuso de poder econômico na campanha de 2018.

(AGÊNCIA BRASIL)