URGENTE!!! Juíza barra passeata de Magrado Barros em Viana

A coligação “ Todos por Viana”, encabeçada pelo prefeito e candidato à reeleição Magrado Barros, terá que suspender o evento de “passeata” desta quinta-feira (12). A partir das colocações da juíza eleitoral e da promotora de Justiça,o evento foi cancelado devido à falta de solicitação junto aos órgãos responsáveis.

Coligação de Magrado não cumpriu as solicitações junto aos órgãos responsáveis e a passeata foi barrada pela Justiça de Viana

Apenas a coligação “A mudança é agora”, de Carrinho Cidreira fez a solicitação do evento marcado para a mesma data. A passeata e o comício estão mantidos.

Portanto, o prefeito de Viana foi proibido pela justiça de realizar passeata nesta quinta-feira, conforme havia divulgado.

Matéria retificada às 14h30

Bomba: Denunciado por fraude e inapto, Instituto Atitude quer divulgar pesquisas suspeitas em 16 municípios até sábado

São pelo menos dez processos por pesquisas fraudulentas e várias condenações

São pelo menos dez processos por pesquisas fraudulentas e várias condenações

Denunciado em pelo menos dez processos por suspeita de divulgação de pesquisa fraudulenta na eleição de 2020, e condenado e proibido de divulgar essas pesquisas, o desconhecido Attitude Consultoria de Pesquisa de Mercado e Opinião, de propriedade de Jeane F de Oliveira, se prepara para divulgar pesquisas irregulares em pelo menos 16 municípios.

Inapto, segundo dados oficiais da Receita Federal, a empresa não poderia sequer estar funcionando, já que sua situação é irregular e nem mesmo endereço existe.

Insttuto não tem sequer endereço e sua situação é irregular, conforme dados da Receita Federal

Ainda assim, como se fosse uma estratégia para influenciar eleitores, o Instituto, suspeito de fraude, registrou nos últimos dias, dezenas de pesquisas e espera divulgar os números suspeitos, nas seguintes cidades: Bacabeira, Serrano do Maranhão, Morros, São João do Soter, Miranda do Norte, Vitória do Mearim, São Mateus, Santa Helena, Central do Maranhão, Viana, Rosário, Presidente Médici, Arari, Palmeirândia, Pinheiro e São José de Ribamar.

Além dos 16 municípios que terão os resultados revelados até sábado (14), esse mesmo Instituto já divulgou outras 13 pesquisas, a maioria alvo de ação na justiça por suspeita de fraude.

O Ministério Público Eleitoral, o TRE-MA e os partidos políticos desses municípios devem ficar atentos. (Via Blog MARAMAIS)