Diretório Municipal do PT em Viana decide apoiar a pré-candidatura de Carrinho.

O Diretório Municipal do PT em Viana decidiu por 7 votos apoiar a pré-candidatura de Carrinho Cidreira (PL) à Prefeitura de Viana. Dos 11 membros do Diretório Municipal, 7 votaram pela Coligação com o PL de Carrinho.  A decisão foi tomada, na manhã desta quarta-feira (8), no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Viana.

Petistas filiados, que estariam inclinados a votar pela adesão ao projeto de reeleição do prefeito Magrado Barros (DEM) sequer compareceram à votação.

Carrinho foi aclamado pela experiência e preparo no exercício de cargos como o de vice-prefeito, secretário municipal de Educação e secretário de Saúde de Viana.

A votação contou com as presenças de membros do Diretório Estadual do PT, Genilson Alves, vice-presidente e da Executiva Nacional, Patrícia Carlos e Elton Marques.

“Essa votação foi um reflexo do cenário político de Viana e da situação em que se encontra o município hoje”, declarou o presidente do Diretório Municipal do PT vianense, Dorivan Mendonça.

O pré-candidato fez articulações com o partido, que passa a compor com a futura coligação a reunir um amplo leque de partidos de todos os campos ideológicos, tais como PT, PSB, PL, Patriotas, PROs e PCdoB.

Viana 263 anos: zelo pela tradição gloriosa

Por Nélio Junior*

Viana é a Quarta cidade mais antiga do Maranhão e, em 8 de julho de 1757, elevou a nova povoação à categoria de “Vila”.

O nome Viana foi uma homenagem à cidade portuguesa Viana do Castelo.

Utilizando-se da mão de obra escrava, em meados do século 19, o município atingiu o destaque comercial, proveniente principalmente da lavoura do algodão, seguida do arroz, milho e mandioca.

Com prosperidade econômica, o município também se distinguia na produção literária e foi berço de intelectuais como Estêvão Carvalho, Celso Magalhães, os irmãos Antônio e Raimundo Lopes, Astolfo Serra, Ozimo de Carvalho e Travassos Furtado. Ficou conhecida também como Cidade da Música, de Dilú Mello, dentre outras personalidades da cultura.

Infelizmente, o patrimônio histórico vianense se deteriora, dia após dia, bem como todo o conjunto de suas mais ricas tradições. 

Sem planejamento e sem a necessária infraestrutura, a centenária cidade cresce de forma desordenada, cercada de problemas, desde a infraestrutura assim como a prestação de serviços públicos e privados. 

Com uma população atual de mais de 55.257 habitantes (segundo o último censo IBGE), Viana entrou no século XXI com desafios gigantescos a serem vencidos e precisa de choques de gestão e de cultura, de forma que recupere o tempo perdido.

Precisamos resgatar nossa história e levar Viana novamente a ser destaque, pois como cidade-polo da Baixada Maranhense, tem o papel de liderar o desenvolvimento da região, e isso só será possível mediante políticas públicas voltadas para Educação, Cultura e para o incremento do Turismo.

Esta é a nossa luta, pois como diz o intelectual Travassos Furtado, em sua obra Minha vida, minha luta: “Viana é uma terra de tradição gloriosa. Cabe aos vianenses o sublime dever de amar a sua terra, zelando por tão rico patrimônio, cuja memória deve conservar-se imortal e transmitida de geração a geração como testemunho da gloriosa história de Viana e dos vultos ilustres que fizeram sua grandeza”.

 Parabéns, Viana, pelos seus 263 anos!

*Historiador e acadêmico de Direito

Viana – Morre a professora Maria Amaral, aos 65 anos, vítima da Covid-19

Morreu na manhã desta terça-feira, 07, a professora Maria Raimunda Amaral Barros, a conhecida Maria Amaral, aos 65 anos. Ela era professora da Rede Pública de Viana e foi diretora do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Estadual (SINTSEP).

Dona Maria foi infectada pelo Coronavírus, juntamente com o marido, José Amaral ainda em Viana, onde residiam. Ambos foram transferidos para São Luís, onde ficaram internados em UTIs do CTO do bairro Angelim.

Zé Amaral se recuperou e está em observação, mas a professora não resistiu e foi vencida pela doença, na manhã desta terça-feira.

Maria Amaral era aposentada do antigo CEMA e já estava afastada de suas funções como professora da Rede Pública, aguardando a finalização do processo de aposentadoria.

O presidente do SINTSEP, Cleinaldo Bil Lopes, o Partido Podemos – do qual era secretária geral em Viana – e muitos amigos lamentaram pelas redes sociais o falecimento de Maria Amaral, que deixa um legado de amor à família, à profissão e uma vida pautada de respeito e dignidade com todos que conviveram com ela.

O Blog Vianensidades, na pessoa do editor, lamenta o falecimento de Dona Maria Amaral e envia condolências a família, em especial à amiga Mayara, Nonato e José Amaral. Que Deus conforte o coração de toda a família.

Carrinho Cidreira realiza “live” no dia no aniversário de Viana

O pré-candidato a prefeito de Viana, Carrinho Cidreira (PL) realiza, na próxima quarta-feira (8), às 19h, uma live (transmissão ao vivo) por ocasião do aniversário da cidade. Carrinho é o primeiro entre os pré-candidatos a se manifestar à população com utilização deste recurso no município.

A live será mediada pelos jornalistas vianenses, Nonato Reis e Luiz Antônio Morais. Reis é escritor, trabalhou nos principais jornais da capital e já foi correspondente, no Maranhão, do jornal Folha de São Paulo. Luiz Antônio é também publicitário, editor do blog Vianensidades e membro da Academia Vianense de Letras. A transmissão terá ainda a participação do pré-candidato a vice-prefeito, Marcelo Santana (PCdoB) e do secretário de Estado da Agricultura Familiar, Júlio César Mendonça (PCdob).

“Esse tipo de diálogo é fundamental para nós. Eu não creio em democracia sem participação popular, sem que o povo tenha voz e vez. Quem se propõe a ser homem público tem que ouvir, tem que participar de iniciativas como esta”, explica Carrinho. O pré-candidato comentou ainda sobre a data de realização da transmissão, a ser feita, em seu perfil no Facebook, como um dia para enaltecer o orgulho de ser vianense.

Marcelo Santana e Dr. Julinho participam da Live 263 anos de Viana

“Nenhum debate eleitoral deve ser sobrepor ao amor que todos temos por esta terra. Escolhi o dia do aniversário de Viana justamente por compreender que precisamos, antes de qualquer conversa, homenagear este município abençoado por Deus. Enaltecer nosso chão é também lutar por dignidade e vida decente para todos”, declarou.

O calendário eleitoral de 2020 sofreu diversas alterações

Por Flávio Braga*

Em razão da pandemia da covid-19, o Congresso Nacional aprovou e promulgou uma emenda constitucional para promover mudanças e adequações no processo eleitoral de 2020.

O entendimento dos congressistas é que o adiamento da eleição se tornou uma necessidade imperiosa, em virtude das incertezas que envolvem a crise sanitária, sem acarretar prejuízo ao exercício da cidadania.

Após a publicação da emenda constitucional, o Tribunal Superior Eleitoral vai adaptar a sua resolução que disciplina o calendário eleitoral de 2020. A maior parte dos prazos foi alongada em 42 dias, seguindo o mesmo período do adiamento da data do primeiro turno.

Nos municípios que não tenham condições sanitárias para realizar a eleição em novembro, a emenda admitiu a possibilidade de o pleito ser realizado até 27 de dezembro, cabendo ao Congresso editar um decreto legislativo para marcar a nova data da eleição municipal.

A emenda constitucionalizou a autorização para partidos políticos realizarem convenções e reuniões virtualmente para escolher candidatos e formalizar coligações. O desiderato do legislador é evitar a aglomeração de correligionários.

Veja, abaixo, as datas mais importantes do novo calendário eleitoral, conforme o texto da PEC aprovada:

11 de agosto – data a partir da qual é vedado às emissoras de rádio e de televisão transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato;

31 de agosto – data a partir da qual, até 16 de setembro, é permitida a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e a escolher candidatos;

26 de setembro – último dia para os partidos políticos e as coligações apresentarem à Justiça Eleitoral, até as 19h, o requerimento de registro de seus candidatos;

27 de setembro – data a partir da qual será permitida a propaganda eleitoral, inclusive na internet;

9 de outubro – início da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão relativa ao primeiro turno;

15 de novembro – data do primeiro turno;

29 de novembro – data do segundo turno;

15 de dezembro – data-limite para os candidatos e partidos apresentarem a prestação de contas de campanha;

18 de dezembro – último dia para diplomação dos eleitos.

27 de dezembro – último dia para realização da eleição nos municípios mais afetados pela pandemia

*Pós-Graduado em Direito Eleitoral, Professor da Escola Judiciária Eleitoral e Analista Judiciário do TRE/MA.

Videos: vianenses cobram da Secretaria de Segurança a elucidação da morte do professor Marcus Carvalho

Viana – Centenas de vianenses participaram neste sábado (4), de uma manifestação que cobra do Sistema Estadual de Segurança a elucidação do brutal assassinato do professor e agrônomo Marcus Vinícius Carvalho, o Marcus de Dulcídio.

Passados 15 dias do crime, as perguntas que não querem calar: quem matou e quem mandou matar Marcus Carvalho?

Os manifestantes, a pé, de moto e de carro, carregando faixas, saíram da Praça da Matriz, por volta da 17h; fizeram uma pequena parada em frente à escola estadual Nossa Senhora da Conceição – onde Marcus lecionava – e, em seguida seguiram até o Fórum de Viana, na Av. Luis Couto.

No local alguns amigos e familiares do professor pediram a palavra e puxaram o coro por justiça, entre eles o sindicalista Cleinaldo Bil e o médico Dr. Cidinho, irmão da vitima.

Os vianenses querem uma resposta!