Vianenses cobram justiça após 14 dias da morte do professor Marcus Carvalho

Quem matou e quem mandou executar Marcus de Dulcídio? Essa pergunta intriga e revolta a comunidade vianense.

Moradores e moradoras de Viana, grupos de vários bairros e escolas, exigem justiça para Marcus Vinícius Carvalho, professor e agrônomo, cidadão trabalhador, querido e admirado por todos que conviveram com ele, que foi covardemente executado a tiros, em frente à garagem da residência dos seus pais,  por suspeitos que pilotavam uma moto, dia 19/06, no bairro da Matriz, no município da Baixada Maranhense. (Reveja)

O crime, praticado à luz do dia, chocou e revoltou a comunidade e até hoje (02/07) ainda não foi elucidado pela Polícia Civil, que já examinou imagens de dois suspeitos em uma rua de Viana, mas nada foi concluído.

Por isso, será realizado um ato público de protesto e cobrança as autoridades pela prisão e justiça pela morte do educador. “Nós vamos a público manifestar nosso apoio e nossa solidariedade à família, aos alunos e amigos de Marcus. Compartilhamos da dor, não só pelo fato de perdemos um grande amigo, mas por entender o valor da vida, vida essa que foi tirada de maneira injusta e brutal por pessoas desconhecidas. Não podemos nos silenciar diante da injustiça, dor e perda dos nossos, e dessa forma iremos cobrar justiça das autoridades”, comentou ao Blog um dos organizadores do evento, que preferiu ficar no anonimato.

O protesto será realizado neste sábado, 04, a partir das 16h na Praça da Matriz, em Viana.