Magrado anuncia mais uma obra “alheia”como se fosse da Prefeitura de Viana

Depois de quase três anos, o prefeito de Viana, Magrado Barros (DEM), agora se esforça para tentar “vender” à população a imagem que começou a trabalhar, que a administração finalmente despertou de um longo período de sonolência. As duas últimas obras anunciadas com estardalhaço pela Prefeitura viraram motivo de chacota por parte da população vianense, completamente decepcionada com a mentira da mudança, prometida no palanque das últimas eleições.

A inauguração da fábrica de bloquetes foi um fiasco, com a presença de autoridades do Estado decepcionadas diante da ausência de público. O “empreendimento” é uma iniciativa do Governo Flávio Dino em cumprimento à Lei de Execuções Penais e a Prefeitura teve pequena participação no projeto, doando máquinas enferrujadas, do tempo do ronca.

A propalada revitalização da Feira da Barra do Sol foi feita com recursos do Banco do Brasil, mas sem nenhuma obra estrutural feita pela administração Magrado. Ao contrário, os banheiros, bebedouros e outros espaços continuam em péssimo estado. Os urubus foram os que mais aprovaram a iniciativa (ou a falta dela).

Chico Gomes, o “pai da criança”

Nesta quarta-feira (4), Magrado já convida todos para o sorteio das casas populares do Residencial Frei Serafim em Viana, empreendimento construído com recursos do Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal. A obra, além de não ser da Prefeitura de Viana, é resultado da luta do ex-prefeito Chico Gomes que, mesmo massacrado pela mídia vendida para o grupo que apoiou Magrado, foi o “pai da criança”. Justiça seja feita a Chico Gomes que conseguiu que obra viesse para Viana.

Em 2015, o sorteio foi realizado nas presença do então vice-prefeito, Oliveira Júnior, com a participação dos deputados federais Aluísio Mendes (PSC), do então deputado Weverton Rocha (PDT), do superintende da Caixa Econômica Federal na época, Ricardo Porto, do presidente da Câmara de Vereadores durante a gestão, Neilson Muniz, e das famílias inscritas. Do total de 1.000 casas sorteadas sexta-feira, 560 unidades ficaram em fase de acabamento e 440 em construção.

Além disso, o ex-prefeito Chico Gomes requereu ao Ministério Público Federal (MPF) que fiscalize imediatamente os indícios de irregularidades apontados no sorteio das casas na administração Magrado.

Foi identificado que apenas 557 (quinhentas e cinquenta e sete) pessoas contempladas no sorteio constavam da relação oficial das 1.000 finalistas do sorteio original. Portanto, 443 pessoas foram inseridas para que recebessem as casas do programa sem que fossem claros os critérios de seleção.

O blog vai ficar de olho no sorteio. Você vai poder acompanhar aqui a relação de todos os nomes.

CONFIRA A LISTA DOS MIL SORTEADOS, EM 2015.

PARA AMPLIAR, CLIQUE NOS BLOCOS INDIVIDUAIS.

Prefeitura de Viana recebeu mais de 6 milhões em agosto. Confira repasses para outros municípios da Baixada Maranhense

A prefeitura de Viana, administrada pelo prefeito Magrado Barros (DEM), recebeu mais de 6 milhões de reais em agosto deste ano.

Arquivo Google

Recursos para os municípios em agosto

Os municípios de São Bento e Penalva seguem na lista, com um pouco mais de 5 milhões recebidos pelo Governo Federal, cada uma das cidades, administradas pelos prefeitos Luizinho Barros e Ronildo Campos, respectivamente. Todos os municípios tiveram recursos menores, em comparação ao mês de julho.

Destaque para Cajapió, que, em relação ao mês de julho, as receitas caíram em mais de 300 mil. Os municípios de Vitória do Mearim e Arari recebem já os recursos dos royalties da mineração e cada um deles, além de outros 21 municípios do Maranhão, recebem um pouco mais de 200 mil a mais por mês.

Os fundos que mais caíram dinheiro foi o Fundeb e o FPM e aqui está o valor bruto, ou seja, sem os descontos referentes a precatórios e demais dívidas das prefeituras. Vejam os números…

 

Viana – R$ 6.136.864,99 C

 

São Bento – R$ 5.434.385,61 C

 

Penalva – R$ 5.017.114,17 C

 

Vitória do Mearim – R$ 4.514.173,40 C

 

Arari – R$ 4.227.104,98 C

 

Matinha – R$ 3.251.304,55 C

 

São João Batista – R$ 3.034.132,62 C

 

Cajari – R$ 2.966.211,80 C

 

São Vicente Ferrer – R$ 2.859.209,26 C

 

Olinda Nova do Maranhão – R$ 2.259.129,53 C

 

Cajapió R$ – 1.773.914,68 C

 

(Com informações do Blog do Jailson Mendes)

Secretário da SAF, Júlio César Mendonça, participa de videoconferência com Miriam Fonkam

Em uma videoconferência na manhã desta segunda-feira (02), o secretário da SAF, Júlio César Mendonça, conversou com a maranhense Miriam Fonkam, que teve um vídeo selecionado pela ONU no Global Youth Video Competition – uma competição global para jovens organizada pela ONU. Participaram do diálogo também, os superintendentes da SAF, Ladyanne Pinheiro e Pedro Belo.

Miriam está representando o Maranhão e o Brasil falando sobre o projeto Farmácia Viva, desenvolvido pelo Governo do Maranhão por meio da Secretaria de Estado de Saúde, com pesquisas de Kallyne Bezerra  (SES) e da Dra. Terezinha Rego. 

O vídeo de Miriam foi selecionado entre os 20 melhores para avançar à última fase da competição: votação pública. Cada visualização no YouTube é um voto!

Ajude a divulgar, visualize o vídeo e compartilhe até dia 07 de setembro.

Farmácia Viva

Coordenado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), o programa Farmácia Viva foi instituído em 2017 e está implantado nos 30 municípios do Plano Mais IDH.

Bacuri-MA – Vítimas de acidente com transporte escolar receberão indenização de R$ 2,3 milhões

Ação foi firmada pela Defensoria Pública, o Estado do Maranhão e o município de Bacuri e valores serão pagos em seis parcelas. Oito estudantes morreram ao serem transportados por “pau-de-arara” no município de Bacuri.

Oito pessoas morreram durante o acidente envolvendo uma caminhonete ‘pau-de-arara’ em Bacuri (MA) — Foto: Divulgação/Defensoria Pública do Maranhão (DPE-MA)

Por G1 MA — São Luís, MA

A Defensoria Pública do Maranhão (DPE-MA), o Estado do Maranhão e o município de Bacuri realizaram um acordo que garante o pagamento de indenização às famílias das vítimas do acidente envolvendo uma caminhonete “pau-de-arara” que transportava 22 alunos da rede pública do município em abril de 2014.

O Estado do Maranhão se comprometeu a pagar indenização no valor de R$ 2,3 milhões totais que serão destinados as oito vítimas fatais e dos 13 sobreviventes que tiveram sequelas permanentes, temporárias ou sem sequelas, mas que tiveram danos morais, materiais ou estéticos que são relativos ao acidente. Os valores serão pagos em seis parcelas a partir do mês de setembro.

Ainda no acordo, o município de Bacuri se comprometeu a pagar uma pensão mensal e intransferível aos familiares das vítimas fatais. O valor estipulado será de um salário-mínimo, que será dividido entre os beneficiários, caso haja mais de um.

A DPE havia entrado com uma liminar em 2014, pedindo o pagamento das indenizações e pensões por conta dos prejuízos sofridos pelas vítimas e familiares durante o acidente. A ação foi julgada em 2017, e o município de Bacuri e o Estado não apresentaram nenhum recurso de apelação. Em seguida, o acordo entre as vítimas foi firmado.

Participaram da ação os defensores públicos Ana Flávia Melo, Vidgal Sampaio e Antônio Peterson Barros Rêgo Leal, da 2ª instância; Clarice Viana Binda e Jean Nunes, dos Direitos Humanos, e a defensora pública estadual Glaiseane Lobo de Carvalho. CONTINUE LENDO.

III Dia de Campo do Abacaxi Turiaçu

O secretário da Saf, Julio Mendonça, participou no ultimo sábado, no povoado Serra dos Paz, em Turiaçu, do III Dia de Campo do Abacaxi de Turiaçu.

A atividade apresentou clones selecionados a partir do Abacaxi Turiaçu, por meio de estações que trouxeram seleções clonais (Turipaz, Livino e Nanico) além de uma Unidade de Referência Tecnológica (URT), que mostrou novas técnicas de plantio.

O evento reuniu agricultoras e agricultores familiares do Maranhão, que têm interesse em aprender um pouco mais e melhorar o cultivo do fruto.

O Dia de Campo foi promovido em parceria com a Universidade Estadual do Maranhão e  Secretarias/Órgãos do Governo do Estado, como a Agerp, SAF e Sagrima. Teve também o apoio do Sebrae e do deputado estadual, Helio Soares.

Além dos agricultores familiares, também participaram do evento, a presidenta da Agerp, Loroana Santana, o diretor de Pesquisa da Agerp, José Malheiros, a superintendente da SAF, Ladyanne Pinheiro, o gestor regional da Agerp Pinheiro, Rodrigo Belloti  e demais representantes do Governo do Estado: Agerp, SAF, Sagrima e Aged, além de instituições parceiras como Sebrae e Senar.

Assista ao vídeo.

#SistemaSAFemFoco

#GovernoDeTodosNós