Posse de Juju Amorim na AVL

Em sessão solene prestigiada pela sociedade vianense, no último sábado, 25, a professora e poetisa Maria de Jesus Silva Amorim tomou posse na Academia Vianense Letras (AVL), na cadeira nº 17, patroneada por Onofre Fernandes.

Realizada na Casa de Eventos Cunacu’s e conduzida pela presidente da AVL, Fátima Travassos, a solenidade teve início com o lançamento de Obras Literárias de acadêmicos da AVL: O “Sobrado Amarelo” do escritor Carlos Gaspar; “Raimundo Lopes – Seleta de Dispersos” (AML); “Réus de Batina: Justiça Eclesiástica e clero secular no bispado do Maranhão colonial”, da escritora Pollyanna Mendonça e  “Minha Poesia, Minha Alma”, da escritora Maria de Jesus Amorim.

Na mesma sessão solene foi feita a doação da Casa da Fábrica, sobrado amarelo de propriedade da Família Gaspar, ao Município de Viana para a construção do Centro de Cultura do nosso município.

Em ato seguinte foi efetivado a transferência de titularidade por parte da Municipalidade do terreno, onde era o sobrado do Sr. Ozimo de Carvalho, para a construção da sede da Academia Vianense de Letras.

Presentes na solenidade, além dos convidados, familiares da acadêmica, o prefeito Magrado Barros, secretários, vereadores, o presidente da Academia Maranhense de Letras, Benedito Buzar, a presidente da Academia Itapecuruense de Ciências, Letras e Artes, Jucey Santana, os irmãos empresários, Antonio Gaspar, Raimundo Gaspar, Carlos Gaspar (membro da AVL), entre outros.

O Blog Vianensidades, por meio deste colunista, acadêmico da AVL, marcou presença e mostra alguns registros da solenidade.

Fotos gentilmente enviadas pelo cinegrafista Eládio Pinheiro e também obtidas pelas redes Sociais.

Gastão Vieira abandona grupo Sarney e declara apoio a Flávio Dino

Foto: reprodução

O Informante

O ex-ministro do Turismo e presidente do PROS, Gastão Vieira, declarou apoio público ao governo Flávio Dino durante agenda na cidade de Brejo, neste final de semana.

Aliado histórico da família Sarney, ele abandona de vez a nau oligárquica, que a cada dia que passa afunda mais sem credibilidade nem mesmo entre os políticos.

Em discurso acalorado a favor de Dino, Gastão ressaltou que tomou a “decisão certa” ao estar apoiando a continuidade, para que o governador faça aquilo que todo o Maranhão espera dele.

“E é por isso que eu estou aqui hoje. Porque eu acredito na sua capacidade de trabalho, mas acredito muito mais no seu amor pelo Maranhão”, ressaltou Gastão Vieira.